A promessa de um Xamã

255

A Promessa de um Xamã

Se você vem a mim como uma vítima eu não te vou apoiar. Mas terei a coragem de andar contigo através da dor que estás sofrendo. Eu te colocarei no fogo, te despir-te-ei e te sentarei na terra. Eu vou banhar-te com ervas, vou expurgar-te e vais vomitar a raiva e a escuridão de dentro de ti. Eu vou golpear o teu corpo com ervas, e vou te colocar na relva, de frente para o céu. Então eu vou soprar na tua coroa para limpar as memórias antigas que fazem repetir os mesmos comportamentos. Vou soprar na tua testa para afastar os pensamentos que obscurecem a tua visão. Eu vou soprar na tua garganta para liberar o nó que não te deixa falar. Eu vou soprar o teu coração para assustar o medo, e para que ele vá para longe, onde não o possas encontrar. Eu sopro o teu plexo solar para extinguir o fogo do inferno que tu carregas por dentro, e saberás o que é paz. Vou soprar fogo na tua barriga para queimar os apegos e o amor que não era. Eu vou afastar os amantes que te deixaram, os filhos que nunca vieram. Eu vou soprar o teu coração para aquecê-lo, reacender o teu desejo de sentir, criar e começar de novo. Vou soprar com força os teus órgãos genitais, para limpar a porta sexual da sua alma. Eu vou acabar com o lixo que colecionaste tentando amar o que não queria ser amado. Usarei a vassoura, a esponja e o pano e limparei com segurança toda a amargura que há dentro de ti. Eu vou soprar as tuas mãos para destruir os laços que o impedem de criar. Vou soprar os teus pés e apagar as memórias das pegadas, para que tu nunca mais possas voltar àquele lugar ruim. Eu vou virar seu corpo, então seu rosto vai beijar a terra. Eu vou soprar a tua espinha desde a raiz até o pescoço para aumentar a tua força e ajudar-te a andar em pé. E eu vou deixar-te descansar. Depois disso tu vais chorar e depois de chorar vais dormir. E sonharás sonhos bonitos e significativos, e quando tu acordares, estarei a tua espera. Eu vou sorrir para ti, e tu vais sorrir de volta. Oferecer-te-ei comida que comerás com prazer, saboreando a vida e agradecer-te-ei. Porque o que estou oferecendo hoje foi-me oferecido a mim antes, quando a escuridão vivia dentro de mim. E depois que fui curada, senti a escuridão sair e chorei. Então caminharemos juntos, e eu te mostrarei o meu jardim e minhas plantas, e te levarei ao fogo novamente. E o vamos falar juntos em uma só voz com a bênção da terra. E nós vamos gritar para a floresta os desejos do teu coração. E o fogo escutará e sussurrará o eco, e nós criaremos esperança juntos. E as montanhas vão ouvir e sussurrar o eco, e nós vamos criar a esperança juntos. E os rios vão ouvir e sussurrar o eco, e nós vamos criar a esperança juntos. E o vento escutará e sussurrará o eco, e nós criaremos a esperança juntos. E então nos curvaremos diante do fogo e chamaremos todos os guardiões visíveis e invisíveis. E tu vais agradecer a todos eles. E tu vais agradecer a ti mesmo. E tu vais agradecer ao Divino.

Narração Tom Vilhena – Autor Desconhecido


Avalie esse conteúdo

Seu reconhecimento além de ajudar a manter o projeto nos motiva e incentiva outros a se superam.

Poste seus comentários também no Youtube ou em nossas outras redes sociais.

Nome
E-mail
Título
Avaliação
Comentários
A promessa de um Xamã Overall rating: ★★★★★ 4.9 based on 28 reviews.
5 1

Crescimento do cérebro humano

Sapiens – Uma Breve História da Humanidade
★★★★★
Muito interessante a explicação dele sobre o crescimento do cérebro humano, entretanto a explicação de Edgar Morin (o Enigma do Homem) a mim parece muito plausível. Certamente que as duas explicações podem ser aceitáveis, complementares.
- Dalva Monteiro

No Natal

Poema “No Natal” – Edgar Guest
★★★★★
Muito lindo e profundo o texto. Se não conseguimos sentir isto tudo...nk Natal , é verdade nos aproximamos disto, do propósito de Deus
- Iara Moraes

Adoro

Peça e Será Atendido – O Poder que há dentro de nós (Os Abraham)
★★★★★
Adoro esse video .Gratidão.
- Joice

Dê um like, comente sobre esse vídeo e siga nosso canal também no Youtube


Saiba das novidades – Acompanhe as oportunidades – Ganhe brindes – Receba Bônus.

Assine nossa Newsletter.


Eu Acredito em Você – Acredite Também

Prof. Paulo Morais

Open modal

Deixe um depoimento