fbpx

Espiritualidade e Expansão da Consciência é somente Com Ciência

Poema “No Natal” – Edgar Guest

614

Edgar Guest poeta americano que se tornou popular na primeira metade do século XX, ficando conhecido como “o poeta do povo” publicou mais de vinte volumes com mais de 11.000 poemas.

No Natal

Um homem se torna mais amável
assim que o ano se aproxima de seu fim;
Ele é quase o que deve ser
quando a época do Natal se avizinha;
Pensará então mais nos outros
do que cogitou em fazê-lo nos meses anteriores,
E o riso de seus filhos
torna-se uma alegria pela qual vale a pena labutar.
É uma criatura menos egoísta
do que em qualquer outra época do ano;
Quando o espírito do Natal o guia
ele se acerca do sublime.
No Natal o homem é mais generoso
e revela o seu melhor lado;
É mais devotado ao serviço
pois é o coração que o impulsiona.
Todos os pensamentos indignos e tacanhos
parecem desaparecer por algum tempo
E o verdadeiro prêmio que persegue
não é outro senão a glória de um sorriso.
Assim pelo próximo estará ele na lida e
de algum modo me parece
Que no Natal ele se torna
quase aquilo que dele Deus espera.
Se tivesse que pintar o retrato de um homem
penso que esperaria
Até que houvesse lutado as suas egoístas batalhas
e tivesse posto de lado o seu ódio.
Não o representaria em seus labores
quando seus pensamentos são todos sobre dinheiro,
Nem nos longos e maçantes dias
quando está se esforçando para si mesmo.
Não o tomaria quando fosse sarcástico,
já que tende a se mostrar desdenhoso ou depressivo,
Mas o retrataria no Natal
quando está em todo o seu esplendor.
O homem está sempre numa luta
e com frequência é mal interpretado,
Há dias em que o pior que nele existe
supera o seu lado bom,
Porém no Natal a bondade o governa
e ele de si mesmo se esquece,
E seus ódios mesquinhos são vencidos
e o coração se abre de lado a lado.
Oh, não saberia bem exprimir,
porém de alguma forma me parece
Que no Natal o homem se aproxima
de ser aquilo para o qual Deus o enviou.

Avalie esse conteúdo

O reconhecimento através de likes, depoimentos e indicações é muito importante tanto para motivar quanto para ajudar a manter e a expandir o projeto.

Por favor avaliem esse conteúdo e façam seus comentários também na página do Youtube.

Nome
E-mail
Título
Avaliação
Comentários
Poema "No Natal" - Edgar Guest Overall rating: ★★★★★ 4.9 based on 38 reviews.
5 1

Avaliação

Apresentação do ICS – Instituto Crê Ser
★★★★★
gostei muito desse projeto!
- Deuzeli

O todo assim É

Limite Zero – Joe Vitale (Ho’oponopono)
★★★★★
O todo assim É
- Maria Neide dos Santos

SAMA – Rumi. O Poeta Embriagado de Deus
★★★★★
Muito Bom! Principalmente porque desvincula o Sufi,ou o próprio Rumi do Corão ou do Islam. Rumi e a sua obra é tão universal como a própria vida e aprisioná-lo ao Islam e reduzi-lo a um mero recitador ,de visão opacificada ou calcinada por dogmas , do corão .Ele está preso a própria essência da vida e não aos intermediários que querem falar ou se interpor entra o Criador e as suas criaturas. JATeixeira Timbó-SC
- teixeira

Dê um like, comente sobre esse vídeo e siga nosso canal também no Youtube


Acompanhe as novidades e saiba antecipadamente de boas oportunidades. Assine nossa Newsletter.


Eu Acredito em Você – Acredite Também

Prof. Paulo Morais

Prof. Paulo Morais
  • Prof. Paulo Morais
  • Coach e Analista Comportamental (PM Coaching)
    Mentor em Qualidade de Vida e Bem Estar (ICS - Instituto Crê Ser)
    Consultor e Instrutor em TIC (PsM Gestão Tecnológica)
    Gestor em projetos de impacto social (F10 - Fundação 10 Envolver)

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: